Valdeck Almeida de Jesus
O poeta da verdade!
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Feitiço contra o feiticeiro
Autoria:
Ano: 2011
Tamanho: 910 KB
Formato: PDF
Sinopse:
A poesia te chama! (Marccelus bragg) Com as alpargatas em prosa, nós que somos desta Bahia das letras – a mesma nação acarajé e mãe de um Castro Alves, Antônio Short e Wally Salomão, vamos aproveitar o momento e dar um aperto de mãos. Dizer um sincero “prazer em te conhecer” ao poeta: Valdeck de Jesus. Este artífice das palavras vem de Jequié. Está na casa dos trinta e é um profissional do turismo. Entende de sol, luz e cultura sertaneja. A sua visão mítica do passado se entusiasma, quando ele se lembra dos folclóricos repentistas das ruas da Cidade Sol. Recorda na sua pródiga imaginação a peleja eterna entre Deus e o Diabo. Uma ilíada. Uma batalha cantada por poetas populares e escutada em versos pela gente mais simples e humilde que não entrega os pontos diante do sofrimento. Da infância o medo, como quase toda criança tem - do lobisomem e do chupa sangue – aquela criatura de negro que desce pelo telhado pra sugar o sangue dos moleques endiabrados. Adulto, Valdeck descobriu que a necrose da alma é fatal quando se sofre do mal de amor. E se for aquele amor impossível? Aquele amor bandido que alguns têm dentro de si e não tem a coragem de fazê-lo livre?


Comentários