Valdeck Almeida de Jesus
O poeta da verdade!
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links

Consuma cigarros

Destrua tua vida

Com faca e seringa

Com cuspe e pigarro

Chupando o pus

Lambendo tua língua

Com fezes e merdas

De gente e de bicho

Humano e selvagem

Que fere e que mata

Que corta e que fura

Que atira na mira

Tirando da vida

Aquele que sofre

Que sofre e não acha

Quem lhe alforrie a alma

Ou liberte o coração

Do corpo, sua prisão.

(06 de agosto de 1989).

Valdeck Almeida de Jesus
Enviado por Valdeck Almeida de Jesus em 02/12/2009
Alterado em 05/02/2011
Comentários