Valdeck Almeida de Jesus
O poeta da verdade!
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário Textos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks

Como sobreviver sem oxigênio:
respirar pouco, ficar sufocado,
asfixiar-se,
ficar cianótico,
arroxear-se,
perder o fôlego,
enforcar-se,
Depois afogar-se nas lágrimas vertidas por ter perdido você, meu oxigênio...

Jequié, 13 de agosto de 1992, meu quarto.
Valdeck Almeida de Jesus
Enviado por Valdeck Almeida de Jesus em 03/10/2010


Comentários