Valdeck Almeida de Jesus
O poeta da verdade!
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário Textos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks


A trilha sonora de minha vida
 
Se a vida tivesse trilha sonora a minha seria como descrevo aqui. Minha mãe acordava cedo e começava a cantarolar músicas religiosas e cantigas da infância dela. Lembro de alguns fragmentos musicais como “Oh, marido te alevanta, vai matar uma seriema...”, “Aquela colcha de retalhos que tu me destes, pedacinho por pedacinho foi costurada”, “Saudade Áurea, manda me buscar, não posso me esquecer do amor da letra A”, “Queremos Deus, que é nosso rei, queremos Deus que é nosso pai”.

Na fazenda onde morei a marca foi “Estúpido Cupido”. Das minhas brincadeiras de criança a mais marcante trilha é “Três passarinhos, dona Miné, caiu no laço, dona Miné, dá três pulinhos, dona Miné, dá um abraço, dona Miné”. Depois vieram os hinos cantados na escola: Hino Nacional, Hino à Bandeira.

De volta a Jequié, lembro das músicas de Sivuca, Fagner, Luiz Gonzaga, Amado Batista, Roberto Carlos, Blowin' In The Wind (Bob Dylan), Édson Gomes, Pinduca, Frank Sinatra, Sidney Magal, Luís Caldas, Cazuza, Legião Urbana, Enya, Madonna, Chris Brown, A ha, Gal Costa, Raul Seixas, Elis Regina, Djavan, Maria Betânia, Beethoven e outros clássicos, Andrea Bocelli, Vanessa da Mata, Cássia Eller, Iron Maiden, Ana Carolina, Adriana Calcanhoto, Kid Abelha...

Hoje eu ouço disputa de porta-mala, buzina de carro, sirene de ambulância, estampidos de tiros, sermões evangélicos no meio da rua.
Valdeck Almeida de Jesus
Enviado por Valdeck Almeida de Jesus em 03/11/2012


Comentários